bandeira_nacional.png
espanha_flag.png

CONTEÚDO

CURSOS DE AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL NA PRÁTICA

 

Nosso portfólio contempla cursos de automação utilizando diferentes plataformas. Um ponto importante é que o foco é ensinar a automatizar e intervir em sistemas de automação e não somente a “programar CLPs” como acontece nos cursos convencionais do mercado.

 

Para executar cursos nessa direção, nós desenvolvemos uma indústria virtual, onde submetemos os alunos a situações muito próximas à realidade da indústria, incluindo até práticas em que nós quebramos equipamentos para ensinar a analisar, identificar a causa e resolver.

 

Ao longo do curso o aluno precisa executar projetos de automação de máquinas e processos, que são validados automaticamente, em tempo real, no próprio ambiente de realidade virtual.
 

Em todos os projetos, o aluno precisa entender as demandas, estudar documentações técnicas, estudar abordagens e estratégias, conceber a solução, implementar, testar e validar, na prática. Como se estivesse em uma fábrica real.

 

No curso básico, o aluno executa os seguintes projetos:

  • Automação do portão do alojamento da fábrica

  • Automação de uma linha de formulação de pasta de gesso, envolvendo processos de dosagem e mistura.

  • Automação de um elevador de 4 pavimentos com inversor de frequência

  • Automação de um processo de formulação de tintas em batelada

 

Em todos os casos, o aluno recebe demandas tal como ocorre em uma indústria real, precisando interagir com painel elétrico virtual, equipamentos, instrumentação, acionamentos etc.

 

 

Conhecimentos, Habilidades e Competências trabalhados ao longo do curso Automação Industrial na Prática.


 

CONHECIMENTOS


 

  • CLP(TIA, Step7, Codesys)

    • Introdução ao ambiente de programação;

    • Instruções booleanas básicas na linguagem Ladder;

    • Instruções de borda positiva e borda negativa;

    • Instruções Set e Reset (Latch e Unlatch);

    • Bloco SCALE: escalonamento de dados;

    • Bloco MOVE: Instrução de transferência de dados;

    • Contadores: tipos e aplicações;

    • Instruções de comparação;

    • Operações matemáticas básicas;

 

  • Estratégias/Abordagens de Automação

    • Conceito de ações de diagramas de estados;

    • Conceito de blocos de diagramas de estados;

    • Conceito de transições de diagramas de estados;

    • Memórias de posição e destino;

 

  • Funcionamento e Operação de CLPs

    • Introdução ao controlador lógico programável (CLP);

    • Ciclo de operação do CLP;

    • Organização de memórias na CPU;

    • Organização da aplicação em blocos;

    • Memória imagem e memória de programa;

    • Memórias de dados byte a byte (MD);

    • Endereçamento de entradas e saídas digitais no CLP;

    • Leitura de canais analógicos;

    • Linguagens de programação referentes a CLP's;

    • Monitoramento de variáveis numéricas nas bases decimal, hexadecimal e binária;

 

  • Diagramas Elétricos e Acionamentos

    • Partida com inversores de frequência;

    • Principais dispositivos de proteção de motores;

  • Formatos numéricos

    • Tamanho de dados;

    • Temporizadores: tipos e aplicações;

    • Tipos de dados (formatos numéricos);

    • Uso de memórias como auxiliares em lógicas combinacionais;

    • Uso de memórias como auxiliares retentivos em lógicas sequenciais;

 

  • Geral

    • Sistemas de automação;

    • Entendimento de entradas e saídas digitais de um sistema;

    • Complemento de 2;


 

HABILIDADES

  • Mapeamento de entradas e saídas do CLP;

  • Desenvolvimento de sistema sequencial utilizando lógica combinacional;

  • Desenvolvimento de sistemas temporizados;

  • Elaboração de diagramas de estados para máquinas sequenciais;

  • Aplicação de máquinas de estados em sistemas sequenciais;

  • Implementação de diagrama de estados em linguagem ladder;

  • Leitura e interpretação básica de diagramas elétricos;

  • Implementação de lógica de acionamento com inversores de frequência;

  • Implementação de lógicas com contatos de selo e intertravamentos;

 

 

COMPETÊNCIAS

  • Automação de máquinas sequenciais;

  • Automação de sistemas com múltiplos subsistemas e periféricos;

  • Automação de sistemas com uma entrada digital e várias saídas digitais;

  • Automação de sistemas de movimentação linear com 2 pontos de parada;

  • Automação de um elevador com N pavimentos;

  • Programação de sistemas combinacionais com memórias, entradas e saídas digitais;

  • Programação de sistemas combinacionais simples com entradas e saídas digitais;

  • Programação de sistemas de movimentação linear com múltiplos pontos de parada;